Ouro Preto: a cidade histórica por excelência

ouro_preto3

Pirambeira e história do Brasil. Não sei dizer o que é mais comum na cidade de Ouro Preto, em Minas Gerais. Se fosse votar em uma das duas, eu afirmaria que há mais morros do que história. O  que só quer dizer que há MUITO morro, porque a cidade, claro, é riquíssima na história do Brasil.

Afinal, Vila Rica chegou a ser capital de Minas Gerais, durante o auge do ciclo do ouro.

A cidade, cujas riquezas movimentaram o País e hoje adornam palácios de Portugal, é repleta de casas bem cuidadas do período colonial. Trata-se do maior conjunto arquitetônico homogêneo do período barroco brasileiro. Isso sem falar nas igrejas das muitas ordens e em sua riqueza cultural (a cidade é patrimônio cultural da humanidade). Ah, e a vista matadora do alto dos morros (os muitos morros, lembre-se).

ouro_preto7

Caminhar por Ouro Preto seria agradável, não fosse minha falta de preparo físico. Ainda assim, eu aconselho caminhar (devagar e com fé) a pegar o carro. Justamente por causa das pirambeiras e pelo fato de a cidade ser turística, há muito movimento nas ruas e pouco lugar para se estacionar. Encha-se de coragem e encare as subidas e descidas.

ouro_preto2

Há muitas igrejas para visitar, museus, feira de artesanato. Mas o bacana é andar sem muitos compromissos. As casas antigas e históricas têm placas que contam suas histórias e seus ex-ilustres moradores. Com tempo, é possível ir encontrando estas preciosidades pelo passeio. E também descobrir um restaurante bacana, um café onde há um pão de queijo quentinho, e por aí vai.

ouro_preto9 ouro_preto10
Entre meus passeios preferidos na cidade estão a Igreja Nossa Senhora do Pilar; o obrigatório Museu da Inconfidência; e o passeio de trem de Ouro Preto a Mariana. Fico com estas atrações como meu Top 3. Mas há muito mais a fazer. Vá com tempo.

Hospedagem
Minha indicação de hotel em Ouro Preto é o Hotel Colonial, situado no centro, a dois quarteirões do Museu da Inconfidência. Os quartos são honestos, o café da manhã, bom, e o atendimento, cordial. Cheguei sem reserva, em meio às férias de julho e a atendente, gentilmente, remanejou os hóspedes e nos atendeu.

Veja mais informações sobre a cidade aqui.

TEXTO: ÉRICA FRANÇA
FOTOS: FÁBIO MENDES

Leia mais:

Ouro Preto: Basílica Nossa Senhora do Pilar

Ouro Preto: Museu da Inconfidência

Trem de Ouro Preto a Mariana

Congonhas do Campo

São João del Rei

Tiradentes

Belo Horizonte

Inhotim

4 thoughts on “Ouro Preto: a cidade histórica por excelência

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial