Bariloche: onde curtir a neve com as crianças

Bariloche com crianças

A Adriana Magalhães, do blog Atravessar Fronteiras, é especialista em Bariloche. Já visitou o local mais de uma dezena de vezes e escreveu o livro “Guia Essencial de Bariloche e Villa La Angostura”. Ela aceitou nosso convite para fazer um post sobre o que há de melhor em Bariloche para quem viaja com crianças. Então, leia este post até o fim para ver os melhores lugares para curtir a neve com as crianças em Bariloche.

Existe alguma criança que não goste de brincar na neve? Rolar na neve? Fazer boneco? Guerra de bola de neve?

Então um lugar que tenha neve deve virar rapidinho um paraíso para crianças, não é?
Pois é, Bariloche, a queridinha da neve dos brasileiros, também é um verdadeiro playground para crianças. Quer ver o tanto que dá para se divertir com os pequenos por lá no inverno, que vai de junho a setembro?

# 1 – Piedras Blancas

 

Não precisa ser criança para amar Piedras Blancas. Piedras Blancas é um centro de montanha em Bariloche com várias pistas de descida em “trineos”, como dizem os argentinos, esquibunda, como falamos por aqui.

Em Piedras Blancas existem cinco pistas de esquibunda com muitas curvas, em que cada descida demora mais de 10 minutos. Prepare-se para rir muito o tempo todo da descida, principalmente se você estiver disputando corrida com alguém. Destaque: algumas pistas podem estar fechadas dependendo da quantidade de neve. O visitante pode descer até seis vezes com o ingresso, escolhendo as pistas da forma como quiser.

Para os mais pequenos, o Piedras Blancas possui uma pista infantil. Apesar disso, muitas crianças bem novinhas, de 3 ou 4 anos, desciam com seus pais nas pistas de esquibunda normais. Na nossa galera, tínhamos crianças a partir de 7 anos que simplesmente VOAVAM nas descidas, o que gerava muitas gargalhadas sempre.

Mais dicas de Piedras Blancas? Leia aqui.

# 2 – Cerro Otto

 

Outra opção para quem curte esquibunda e que vai agradar principalmente às crianças é o Cerro Otto. Crianças e adultos tem pistas de esquibunda separadas, tudo bem estruturado.

No caso dos adultos, como a pista é maior, tem um funicular para voltar ao topo da montanha.

As crianças morrem de rir no esquibunda, e os adultos também se amarram. Mas não é apenas no inverno que o Cerro Otto é imperdível: a vista é linda demais e as cabines vermelhas e ovais do teleférico são um charme.

Lá também tem uma confeitaria giratória e uma galeria de arte onde se podem ver réplicas em tamanho natural das estátuas de Michelangelo: Davi, Pietá e Moisés.

A entrada para o teleférico para o Cerro Otto fica na Avenida Pioneros 5,000. Tem ônibus de graça que parte do centro de Bariloche, da Calle Mitre, para lá.

# 3 – Cerro Catedral

 

A estação de esqui de Bariloche é o Cerro Catedral.

Ele tem a grande vantagem de ficar próximo ao centro (19km) e de fácil acesso, sem grandes percalços no trajeto.

Se a criança curte esquiar, lá no Catedral tem aulas para os pequenos.

Para os papais e mamães que querem esquiar e não têm onde deixar a criançadas, o Cerro Catedral tem serviço de “guardería” (babysitter) de crianças, para bebês de até 45 dias a 3 anos. Para crianças de 4 a 11 anos, também tem um espaço com várias brincadeiras na base da montanha.

Lá no Cerro Catedral também tem a opção de alugar trineos (os trenós de esquibunda), ou as donas, aqueles “pneus” enormes para você descer a montanha em cima deles.

Para planejar sua viagem a Bariloche e Villa La Angostura com detalhes e não perder nada do destino, dê uma olhada no Guia Essencial de Bariloche e Villa la Angostura.

Com todas essas dicas, sua viagem tem tudo para ser perfeita!

Seu roteiro vai incluir Buenos Aires? Leia mais sobre o destino aqui.

Adriana Magalhães (A convite do Viajante em Tempo Integral)

viagem-com-criancas

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial